segunda-feira, 12 de novembro de 2007

Notícia no Yahoo! - Tofu, o alimento versátil



Para os orientais, ele é um alimento básico, presente em sua alimentação diária. O tofu, que significa "carne sem osso", está cada vez mais presente nos supermercados ocidentais. Conhecido como queijo de soja, uma de suas vantagens é seu uso versátil na cozinha, já que pode ser empregado no preparo de diversos pratos.

Surgido na China e também muito comum no Japão, países nos quais é facilmente encontrado em restaurantes, o tofu tem a capacidade de incorporar o sabor e o aroma da comida que acompanha, enriquecendo-a com sua proteína de origem vegetal.

Este alimento consumido há séculos no Oriente vem conquistando mais e mais o paladar dos ocidentais. Além de ser altamente protéico e de fácil digestão, o queijo de soja contém ferro, ácido fólico, potássio e cálcio (em quantidades maiores que a presente no leite de vaca), elementos que, junto com outros, previnem uma série de doenças e problemas de saúde.

O tofu é vendido como um bloco úmido, de cor branca, tato liso, sabor delicado e consistência firme, extra-firme, suave ou cremosa. Geralmente, é aromatizado e pode adotar distintas formas e sabores.

Servido como é comercializado, ele lembra o queijo branco. Na grelha, fica parecido com uma carne. Muito gelado, ganha uma consistência borrachuda. Misturado com especiarias, vira um ótimo molho ou condimento.

Graças às suas propriedades e elementos, o tofu reduz o colesterol e os riscos de câncer de mama, alivia os sintomas da menopausa e combate doenças como a osteoporose, segundo estudos.

Armando Cuadra, médico naturista especializado em nutrição, diz que, "devido à sua elaboração, durante a qual é obtido um extrato da semente de soja no qual é acrescentado sal mineral para que coalhe, o tofu é um alimento concentrado, mais rico que a própria leguminosa da qual é extraído, em elementos como cálcio, ferro e proteínas de alto valor biológico, iguais às da carne ou do leite".

"Como é uma comida fresca por natureza, para aproveitá-la também é preciso consumi-la da forma mais fresca possível", frisa o especialista.

Máximo frescor, Máxima Digestibilidade

O tofu absorve cerca de 15% da gordura usada para fritar, por isso não é indicado usá-lo em excesso no preparo de frituras. Mas, a seu favor, ele tem o fato de ser digerido em quase 95%.
"Além disso, sua apresentação em pães duros e moles e sua capacidade de adotar o sabor dos alimentos e das especiarias lhe permitem ser usado em várias opções gastronômicas", destaca Cuadra.

Para que o tofu não perca suas propriedades, os especialistas aconselham guardá-lo na geladeira e, uma vez aberto ou comprado fresco, deve ser enxugado e conservado na geladeira em um pote com um pouco de água, que deve ser trocada todos os dias. O melhor é consumir o produto em até quatro dias.

Para quem não imagina, o queijo de soja pode substituir a carne ou o queijo tradicional numa lasanha, acompanhar saladas, ser adicionado a sopas ou usado para gratinar, rechear berinjelas, pimentões ou rocamboles de carne e ainda incrementar um suflê.



3 comentários:

Cláudia disse...

Gostei muito de saber das propriedades do tofu. O único jeito que eu o uso é em saladas com shoyo ou como acompanhamento no missoshiro. Se vc tiver mais receitas, gostaria, pois não tenho muita imaginação para usá-lo além destas que contei. Obrigada e beijos!

Nogueirajcs disse...

O tofu é uma delicia.

Já consigo fazer o meu próprio seitan. Agora tofu, tentei uma vez e não resultou.

Vou continuar a comprar tofu até conseguir fazer o meu próprio tofu.

É um alimento muito versátil que pode ser utilizado desde os doces aos salgados, basta pesquisarmos na net por receitas.

É sempre útil estes ensinamentos para quem não sabe.

Basta provar e depois vão ver...

Bete disse...

Nogueira, você faz o seu seitan usando farinha de trigo integral ou usando farinha de glúten?
Pode me dar sua receita?
Abraços.

.

O SABOR DA VIDA COMEÇA NA COZINHA