.

Clique aqui e escolha a sua no Site TonyGifsJavas.com.br

O SABOR DA VIDA COMEÇA NA COZINHA


.

domingo, 6 de outubro de 2013

CUSCUZ MARAVILHOSO DE TAPIOCA







Mais uma vez estou postando uma receita de cuscuz de tapioca, mas essa receita aqui é mesmo maravilhosa. O resultado final ficou mesmo muito saboroso, macio, doce no ponto certo e irresistível. É até um perigo, porque não dá vontade de parar de comer. Euzinha faço, mas me contenho, por conta do meu colesterol e também eu não abuso nunca do açúcar. Eu fiz desta vez porque realmente estava com muita vontade de comer esta sobremesa, mas sempre é bom comer com moderação. 

Ingredientes:
500 g de tapioca
1 garrafa de leite de coco (500ml)
1 xícara de açúcar
1 colher de café de sal
200 g  de coco em  flocos
1 litro de leite fervente
1 lata de leite condensado (a gosto)

Preparo:
Misture o leite de coco, o açúcar, o sal, 100g do coco ralado e a tapioca. Coloque essa mistura em um tabuleiro retangular  medindo 26cm por 40cm e adicione o leite em ponto de fervura. Misture bem  e deixe descansar  de três a quatro horas.  Até que a tapioca tenha absorvido todo o leite. Cubra e leve à geladeira. Antes de servir coloque o restante do coco ralado por cima do cuscuz e se coloque leite condensado por cima. Esse cuscuz ficou bom demais, difícil dizer não pra ele. Se puder faça!

Fonte: Embalagem granfino, com alguns pitacos da Betechef, claro. Sempre que vamos fazer uma receita de uma outra pessoa, acabamos mexendo um pouquinho aqui ou ali, não é mesmo? Um grande abraço!



É Bom Saber:
O cuscuz de tapioca é um prato originário da culinária africana com ingredientes brasileiros de origem indígena. Também é conhecido como cuscuz branco ou ainda, pudim de tapioca.

É um preparado a partir da fécula da mandioca, conhecida como tapioca. Pode ser doce ou salgado. Na maioria das receitas de preparo do cuscuz de tapioca doce se acrescenta coco ralado, açúcar, água ou leite.

Os índios não tinham acesso ao açúcar e nem ao leite por exemplo, ambos trazidos pelos europeus. Já as africanas eram as principais responsáveis pela administração alimentar da sociedade, ou seja, das mãos delas saia quase tudo o que era consumido na capela clerical, na casa grande, etc. Ao ter acesso a mais recursos alimentares que os nativos, as mesmas acabavam por misturar tudo e criar receitas novas com os ingredientes ameríndios e europeus.




Dicas:
       Não é indicado o congelamento desta receita, pois a sua consistência pode ficar alterada.


Um comentário:

Anônimo disse...

Hummmmmm... q delicia amei meu marido adorou, obrigada parabéns por essa receita maravilhosa.